quarta-feira, 12 de junho de 2024

Câmara: Um Caso de Polícia.

 Vou dividir esse assunto em três artigos, para evitar grandes textos.

O primeiro assunto são as famosas DIÁRIAS, que na verdade é um complemento de salário, em razão do uso indevido e da falta de vergonha de nossos vereadores.

Como funciona:

Cada diária é do valor de R$ 692,00, que, legalmente deveria ser utilizada para cobrir despesas com transporte, hospedagem e alimentação.

Ocorre que, além da Diária, a Câmara paga a passagem aérea ou terrestre (ônibus leito) de Barbosa para Curitiba. A hospedagem, a Uvepar paga. E, a Câmara paga também a inscrição para esses cursos (cata moedas), o último curso custou R$ 1.590,00 por vereador.  (Taxa de inscrição) E, desafio qualquer vereador a escrever um texto de três linhas sobre o curso.

Em princípio, iria somente divulgar o nome e os valores de cada vereador, mas, em razão de OUTROS FATOS, estou encaminhando o assunto ao Ministério Público, que, SE QUISER, tome as providências cabíveis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao Vereador Jefferson Preinsner.

 Ninguém quer que você seja igual seu pai, mas, herdar um pouco do Bom Senso Dele ajudaria. Quando você foi no almoxarifado, filmou aquelas ...